domingo, 17 de junho de 2007

para anteceder

antes, nem uma vontade a me abater
nem um respeito com que me preocupar

Invadira meu corpo
antes que eu mesmo o possuísse
avance, mas aos poucos
eu também quero ser triste e
compartilhar o medo de entregar-se para integrar

é, eu preciso desenhar esses teus olhares
para não esquecer do teu rosto
e colorir aquele verde apagado que encontrei no chão

Não, não precisa arriscar palavras
se já estamos no caminho de casa
(onde eu fico com um beijo e você se vai)
Só me entregue um triz desse céu
e um retalho de verdade nua preu anteceder
todos os pensamentos que teu corpo faz

3 comentários:

rafael disse...

vamos lá:

- o claudio assis é um diretor arrogante: se proclama o justiceiro, quer chocar, horrorizar a classe média. no fim, ele acaba produzindo um filme ruim e preconceituoso: será que todas as mulheres do nordeste são putas?

quando eu disse: " daqui a pouco começa na globo um trabalho de quem realmente entende cinema baseado na obra de quem realmente entende de nordeste "

estava me referindo ao luiz fernando carvalho e ao ariano.

rafael disse...

os poemas-adjetivos sao teus?

guara disse...

tudo que posto aqui é meu, com exceção de alguns vídeos